domingo, 29 de abril de 2012

Resumo da "nau literária" santiaguense

Se a poesia viva santiaguense fosse um barco conduzido por homens poetas - com certeza, guiando a embarcação - teríamos numa ponta Oracy Dornelles e na outra Alessandro Reiffer.


Gondoleiros das letras.


Condoreiros das almas.

Um comentário:

  1. Tenho orgulho de dizer que o Alessandro Reiffer foi meu aluno na 6ª série, no Thomás. E creio que um dos primeiros prêmios que ele ganhou foi com uma redação feita em aula, para um concurso promovido pelo Banco do Brasil, sobre as espécies em extinção. Nunca esqueci disso.Ele sempre demonstrava interesse pela leitura e escrita.
    São alunos assim que marcam a gente!

    ResponderExcluir

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...