domingo, 18 de março de 2012

Histórias de final de semana

No sábado passado eu, a Karla, o Dudu e a Amanda saímos para curtir uma praia (Gaibu) que fica cerca de 30 quilômetros de Olinda. Iríamos passar apenas a manhã naquela praia.
Praia de Gaibu - Pernambuco
"No meio do caminho havia uma pedra."
Do nada, tivemos a ideia de ir para a praia de Carneiros, que fica em Tamandaré, cerca de 100 quilômetros de Olinda.
"Havia uma pedra no meio do caminho."
Lá, resolvemos nos hospedar numa pousada, somente por vermos a seguinte placa: "pousada do Farol - indicada no Guia 4 Rodas por aliar a melhor qualidade com o melhor preço".

Tartaruga da Pousada do Farol em Carneiros, PE

Adicionar legenda
Praia de Carneiros - Pernambuco


Pegadas na areia...

"Literando" o descanso
Letícia, Amanda e Eduardo
O Sueco-Alemão Karl Johan Borgis
Na pousada, tive a oportunidade de conhecer o sueco-alemão (dupla nacionalidade) Karl Johan Borgis. Ele e sua família (esposa e filhos) estão de férias no Brasil. Como ele falava inglês fluentemente, tive a oportunidade de treinar o meu péssimo inglês. A comunicação ficou facilitada, pois o companheiro também falava um pouco de espanhol. Ele e a esposa moram em Estocolmo, onde trabalham numa clínica radiológica (tomografia etc.). Na nossa conversa, o Karl mostrou um vídeo onde o seu filho brinca num trenó, na neve, em Estocolmo. Falei do Rio Grande do Sul (ele não conhecia), de Santiago e de Santa Maria. Disse-lhe que a "Terra dos Poetas" ficava próximo ao Uruguai e a Argentina. Entre conversa de culturas - povos das Missões e povos nórdicos - conversamos sobre o desporto Orientação, que já pratiquei e que é muito difundido na Suécia. Ele e a esposa praticam ciclismo e estão conhecendo Olinda, Recife e outros lugares de Pernambuco.

O olindense Edivaldo, pai da Letícia
Conheci, também, o olindense Edivaldo e sua esposa Taci. Ele é um torcedor fanático do Leão (Sport) e falamos muito sobre futebol.

Atolamento no caminho
No retorno para casa, observamos o atolamento dessa escavadeira. Fiz questão de bater essas fotos, pois achei algo artístico na imagem: a força da natureza vencendo o homem e a máquina.


O atolamento ocorreu nos arredores de Recife, Pernambuco e chegou a interferir no trânsito do asfalto da BR 101, principalmente quando começaram a tentar desatolar a máquina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...