quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Artigo Expresso Ilustrado 14 de outubro de 2011 - Legião de amigos - por Giovani Pasini

Renato Russo

Não costumo publicar, neste blog, os meus artigos do Jornal Expresso, antes que eles saiam no periódico. Até por que os artigos do jornal passam por uma revisão ortográfica (necessária). Contudo, faço questão de lançar (nesta madrugada do dia 11 para 12) o artigo que fiz em homenagem a um dos poucos ídolos musicais que possuo. Aí vai...


Legião amiga

O dia 11 de outubro marcou os 15 anos de falecimento do cantor Renato Russo, vocalista do grupo Legião Urbana. Em nome de seus fãs, construo este artigo, como reconhecimento à magia de sua obra. O mundo globalizado transformou o humano contemporâneo, de maneira geral, num admirador eclético (vários gostos) de inúmeros gêneros musicais. Na atualidade, existem apreciadores do rock, clássico, forró, sertanejo, MPB, música gaúcha e de tantos outros tipos. De Beethoven a Lobão, podemos observar a diversidade de fãs. Utilizo esse espaço, portanto, para enaltecer o músico que se tornou um filósofo para a minha geração e que ainda influencia tantas vidas. O Renato Russo possuiu a percepção muito parecida com a de Caio Fernando Abreu. Os dois tiveram a qualidade de captar as letras do mundo e transformar em códigos, que eternizaram sonhos. O Renato era um mestre das antíteses, uma figura de linguagem que embaraça os sentidos e que proporciona a reflexão (até na morte ele está vivo). Além disso, as melodias de seu rock ainda transformam atitudes. Quem gosta, não somente ouve, mas escuta, em virtude de composições e interpretações únicas. No meu carro, rumo ao trabalho, volto a um passado juvenil, saltitando sobre a poltrona. Como eu, vários fãs sentem o sangue ferver, quando ouvem a bela arte: “A tempestade que chega é da cor dos teus olhos castanhos...” Renato Russo: a vida é passageira; tua vida é perpétua. Muito obrigado, por tudo...

2 comentários:

  1. Renato Russo foi a perda mais lastimável da música brasileira.

    Minha preferida é Eu Era Um Lobisomem Juvenil.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns! Visitei hoje teu blog e, achei tudo muito bacana e interessante o que vi e li...Gostaria de autorização para utilizar algumas crônicas, poesias, enfim textos na minha pagina no Facebook ,ressaltando que foram retiradas do Blog Tatos, Retratos e Textos (abstratos)
    re_4238@yahoo.com.br

    ResponderExcluir

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...