quarta-feira, 13 de julho de 2011

Artigo Expresso Ilustrado 10 de julho de 2011 - Educar é Cultura e Intercultura - Parte I - - por Giovani Pasini

Este artigo, dividido em três partes, foi feito para uma parcela da sociedade. Ele é dedicado aos pedagogos (educadores) e, também, aos leitores que se interessarem pelo assunto. No momento que uma delegação de 20 pessoas (de nossa região) participa do V Encontro de Escritores do Mercosul, nas cidades de Posadas (Argentina) e Encarnación (Paraguai), gostaria de abordar três grandes teóricos: Rui Barbosa, Humberto Maturana e Paulo Freire; faço isso para contemplarmos a humanização. Um a um, esses autores serão abordados, nessa trilogia. Rui Barbosa, político e orador, foi um dos primeiros brasileiros a tratar a pedagogia (ciência da educação) como um problema integral da cultura. Pense bem: a nossa conduta surge da educação ou da cultura? Na verdade, ambas estão entrelaçadas, numa flexibilidade social, sendo que somente elas possuem a capacidade de transformar o homem - no ser humano. Tudo o que foi construído, à nossa volta, faz parte do patrimônio "material" da cultura brasileira (casa, carro, ruas, estátuas etc). No entorno de tudo o que nós vemos, também existe a complexidade do que está na esfera do conhecimento, ou seja, a cultura "imaterial" (os costumes, as tradições, as manias, as modas etc). A educação, ciência de larga amplitude e transversalidade, aponta para todos os sentidos, sem indicar um caminho único e específico. A subjetividade da vida, baseia-se na objetividade de buscar uma justificativa para a própria vida. Existir por algum motivo. (Continua).
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...