segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Camomila, Carqueja e Cevada - Artigo Expresso Ilustrado - 28 Jan 2011-

Algumas vezes, a única saída para apaziguar os ânimos é uma boa xícara de chá. Gosto de camomila e de carqueja. Acredito, como já escrevi anteriormente, que as árvores são antenas para a comunicação com Deus. Diariamente, no final de tarde, passeio com meu cachorro; coloco a mão numa árvore, retiro as havaianas, e por segundos esqueço o mundo urbano. Naqueles instantes, pés na grama (e mãos na árvore), há uma descarga de toda energia negativa acumulada. Besteira, ou não, até inventei uma frase de relaxamento: "Leva o meu estresse, leva-me até Deus". Fico repetindo-a, algumas vezes, sem o receio de ser taxado de louco. Caro leitor, posso atestar que é uma ótima forma de renovar a mente! Voltando aos chás, pequenos pedaços de plantas (e árvores), eles carregam uma espiritua-lidade que nos transformam em antenas artificiais para Deus. O momento perfeito está no ato de ouvir Música Popular Brasileira, tomando uma xícara de chá e realizar a leitura de um bom livro.
Quando faço isso, o silêncio interior é tão grande, que os pensamentos fluem com maior nitidez. Mas, nos dias como hoje, quando o calor está insuportável? O "bom vivant" irá responder que existe um composto, a base de cevada (fermentada), o qual não deixa de ser uma moderna forma de chá. Esse deve ser apreciado com bastante moderação. Saúde!

Um comentário:

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...