quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Artigo do Expresso Ilustrado - 1 Set 10 - Política do Brasil Limpo

Como militar, sou apartidário, não defendo partidos. Mas, sendo cidadão, não sou apolítico. Nas entrelinhas do lazer, assisto a TV Senado, mais pela oratória, do que por qualquer coisa. Toda manhã, quando vou para o trabalho, também escuto a propaganda eleitoral. Este artigo surge como reflexão crítica: já que a maioria dos candidatos ao legislativo (deputados e senadores) propaga um plano direcionado ao executivo (governador e presidente). Portanto, existe uma falta de conhecimento sobre a atividade buscada. Desinformação de candidatos e eleitores. A realidade é que não vivemos a pura democracia; não sabemos votar. Problema social crônico, proporcional à falta de leitura e ao imediatismo. Contudo, como acredito na força do convencimento, fica uma dica (para eleitor e candidato) sobre qual a qualidade para o caráter de um político: abnegação; palavra que significa "colocar os interesses coletivos na frente dos individuais". Acredito que ainda existem (e sempre existirão) políticos honestos e sonhadores. Pena que o senso comum mostre que boa parte dos concorrentes esteja pensando em seus próprios interesses e, quando muito, no futuro do partido, esquecendo-se do Brasil limpo. A má notícia é que, sendo assim, há uma grande chance de se tornarem corruptos, outros na extensa relação de abusadores. A culpa não será somente deles, mas minha e sua, se não usarmos corretamente o extremo poder do voto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...