quarta-feira, 17 de março de 2010

Texto feito para a leitura de orador Turma de Letras da UNOPAR 2009 - Santiago, RS

Em nome dos Acadêmicos da Turma de Formandos do Curso de Letras – Habilitação: Licenciatura em Língua Portuguesa e Respectivas Literaturas da Universidade Norte do Paraná (UNOPAR – Pólo Santiago) do segundo semestre de 2009, Turma Caio Fernando Abreu, apresento os nossos sinceros agradecimentos por terem nos honrado com a sua presença neste momento tão especial de nossas vidas.
Por qual motivo escolhemos o Curso de Licenciatura em Língua Portuguesa e Respectivas Literaturas, mais conhecido como Curso de Letras? Várias foram as perguntas que nos fizeram: “Letras? Tantas faculdades, mas logo Letras? Ser professor de Literatura, Redação ou Língua Portuguesa – você está doido!”
A grande importância da realização desta colação de grau não se baseia somente nas dificuldades, alegrias, conhecimentos e amizades que construímos durante o curso, mas, também, no enérgico fortalecimento de uma esperança que, no nosso amado Brasil, um dia, a vocação do professor seja valorizada de acordo com a sua importância.
Daniela, Emília, Franciele, Giovani, Ivoni, Joseane, e Maristane - sete profissionais que irão batalhar nesta guerra sadia que é a docência. Como educadores, nós teremos o nobre dever de ajudar a mudar o mundo – isso mesmo – manter erguida a bandeira, acreditar que podemos “Educar para transformar” e assim mudar para melhor o nosso mundo. A modificação da sociedade começará pela influência intelectiva e positiva que teremos sobre o aluno; os exemplos que daremos aos vários discentes que irão passar por nossa vida. Não repassaremos simples conhecimentos – ajudaremos a construir pessoas. Este é o maior motivo de realizarmos a licenciatura. A razão que enaltece o valor do presente diploma. A vida alterando as vidas – o ápice desta colação de grau.
Caros amigos, o término de nosso curso representa a conclusão de mais uma jornada. E esta etapa foi atingida não somente por nós, cada um dos formandos. Nossa formatura é também o momento de reflexão e vários agradecimentos àqueles que contribuíram para o nosso sucesso.
Gostaríamos de agradecer, primeiramente, ao Deus Todo Poderoso, por ter nos dado a possibilidade de viver, aprender, sorrir, chorar, brigar, fazer as pazes e, principalmente, sonhar.
Aos nossos pais, pela educação exemplar e o ombro amigo nos momentos mais difíceis.
Aos nossos cônjuges e companheiros o reconhecimento pela paciência, apoio e compreensão nos momentos em que estivemos ausentes, mesmo quando estudávamos em casa.
Aos filhos, razão maior de nossa existência, o agradecimento por serem o incentivo para continuarmos em todas as nossas atividades.
Agradecemos, também, aos professores e funcionários da UNOPAR, em especial à Karin, Nara e Carol por terem doado o seu conhecimento e amizade, sem medir esforços para obter o sucesso na maior qualidade do ensino.
Diz um provérbio francês que uma criança é um anjo, cujas asas diminuem na medida em que suas pernas crescem. Crescemos e viramos anjos de uma asa só. Hoje, após esta formatura, continuaremos apenas com uma asa. A diferença é que durante o curso aprendemos a nos abraçar e, em conjunto, alçamos vôo. Perto do céu infinito erguemos a vista e não vemos mais fronteiras.
Caio Fernando Abreu, patrono de nossa turma, escreveu que “O tempo que temos, se estamos atentos, será sempre exato.” E diz ainda, que “eu me pergunto se viver não será essa espécie de ciranda de sentimentos que se sucedem e se sucedem e deixam sempre sede no fim."
Vamos embora da Universidade com mais sede do que chegamos. Sede de conhecimento, amizade e de um futuro brilhante. Caras amigas formandas: hoje estamos no topo da glória. Da nossa glória de sermos professores! Sejamos felizes!


Um comentário:

  1. Muito Bonito.Fica muito mais animada neste curso que acabei de entrar pela UEM. Obrigadoooooo

    ResponderExcluir

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...