sexta-feira, 17 de julho de 2009

Um céu é tudo...

Um céu é tudo.

As estrelas no mar aéreo, no infinito escuro,
parecem engolir a pequena alma humana que,
por aventureira, inventa investigar o imensurável.
Olhos pequenos refletem o grandioso firmamento sem fim.

Se compreendêssemos o universo, com todas as suas relíquias secretas
e todos os recôncavos das mais variadas dimensões,
talvez,
talvez pudéssemos diminuir tamanho ego, egocentrismo e egoísmo humano
que insiste em ser maior que um céu,
que acha que ilumina mais que um sol,
que faz brotar mais lágrimas que as lágrimas-nuvens e, por fim,
que pretende ser mais belo que os pontinhos incontáveis das branquinhas estrelinhas.

Eu sei,
não se pode alterar o imutável.
Porém, podemos dizer que um céu é tudo...

3 comentários:

  1. Que maravilha de texto,
    gostei muito!
    Fiquei emocionada com tamanha imaginação do autor.
    Parabéns!
    De sua fã número 1...

    ResponderExcluir
  2. Elizabete Amarante17 de julho de 2009 21:40

    Somente pessoas com extrema sensibilidade conseguem tocar a alma da gente.
    Continue escrevendo os seus textos...
    Adorei este!
    Parabéns

    ResponderExcluir
  3. Tamanho é o egoísmo do homem que esquece que sentir é melhor do que entender o que se passa ao seu redor. A melhor saída sempre é seguir seus sentidos e sorrir. :D Parabéns pelas palavras! São realmente muito bonitas :)

    ResponderExcluir

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...