quinta-feira, 30 de julho de 2009

Os erros de português...

Há algum tempo fui entregar um convite para um intelectual (escritor) aqui de Santiago. Ele segurou o convite nas mãos, leu e disse:
- Não quero! Este convite tem erro de português!
Fiquei assustado com a reação. Perguntei:
- Qual erro?
Ele riu (acho que cinicamente) e disse:
- Você colocou 19:30h e o correto é às 19h e 30 min. Totalmente errado!
Arrisquei a perguntar, educadamente, ainda que tivesse subido o sangue à cabeça:
- O senhor entendeu que o evento ocorrerá as dezenove horas e trinta minutos?
- Entendi. - Encarou-me com postura defensiva.
- Ah! Então obrigado, pelo ensinamento...
Saí do local e refleti sobre o assunto.
==
Existem erros e erros.
A Língua Portuguesa é uma das mais difíceis do mundo, com uma gramática complexa, além de possuir várias exceções às inúmeras regras.
Além disso, existe uma coisa chamada variante lingüística, que trata das variações que a língua sofre pelo espaço e tempo. O gaúcho não fala ou escreve igual ao nordestino.
Portanto, a gramática normativa é a que nunca muda. O resto varia ou "vareia", como quisermos...
==
O que aprendi da situação é o seguinte:
Temos que estar sempre fiscalizando a nossa soberba, buscando agir com humildade e paciência.
A humildade se refere ao ato de saber que todos nós erramos, que Machado de Assis escrevia com erros (isso é comprovado) e que ninguém sabe tudo.
Com paciência, para superar atitudes conflitantes, deseducadas, que acabam com a fertilidade criativa, sem utilizar palavras de baixo calão.
==
Já dizia algum poeta, o que importa é o conteúdo e não a forma (ou fôrma). Esta, encontra-se num segundo, terceiro ou quarto plano. Quero dizer, a emoção da leitura de um texto é mais importante que a métrica, isso é óbvio!
==
Talvez, no final de tudo, consigamos aprender com os pequenos erros de português e possamos nos encontrar na Rua dos Poetas, por volta das 20:30h. Quem sabe?

Um comentário:

  1. O espírito desturtivo e crítico se torna contra a humildade.

    gostei do artigo. Esse homem que falou contigo não é intelectual, e sim um intelectualóide!
    Parabéns

    ResponderExcluir

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...